TRANSTORNOS ALIMENTARES

Bulimia Nervosa

 

A Bulimia Nervosa é um transtorno alimentar que apresenta dois aspectos essenciais:

 

  1. Episódios recorrentes de compulsão alimentar, ou seja, ingestão por exemplo a cada 2 horas de uma quantidade de alimento infinitamente maior do que a maioria dos indivíduos consumiria neste mesmo período e sentimento de não conseguir parar de comer ou controlar “o que” e “o quanto” se está ingerindo;

  2. Comportamentos compensatórios inapropriados recorrentes a fim de impedir o ganho de peso como vômitos provocados pela própria pessoa; uso indevido de laxantes, diuréticos ou outros medicamentos; jejum; ou exercício em excesso.

 

A Bulimia Nervosa começa na adolescência ou na idade adulta jovem. A compulsão alimentar com frequência começa durante ou depois de um episódio de dieta para perder peso. A vivência de múltiplos eventos estressantes na vida também pode precipitar o aparecimento da Bulimia Nervosa. Sintomas depressivos (por exemplo sentimentos de desvalia) e transtornos bipolares e depressivos são comuns em indivíduos com bulimia nervosa.

Tratamento:

O tratamento é realizado através sessões de psicoterapia na abordagem cognitivo comportamental. Essas sessões são semanais e tem duração de 50 minutos. O acompanhamento com equipe multidisciplinar dependendo da gravidade, também se faz necessário como com o profissional de nutrição e o médico psiquiatra para orientação quanto a alimentação e tratamento medicamentoso.

Anorexia Nervosa

 

A Anorexia Nervosa é um transtorno alimentar que apresenta três características essenciais:

  1. Restrição persistente da ingesta calórica (levando a um peso significativamente baixo);

  2. Medo intenso de ganhar peso ou de engordar ou comportamento persistente que interfere no ganho de peso;

  3. Perturbação na percepção do próprio peso ou da própria forma:  algumas pessoas sentem-se completamente acima do peso, outras percebem que estão magras mas ainda se preocupam com determinadas partes do corpo, em particular que o abdômen, os glúteos e o quadril estão “gordos demais”.

Geralmente começa durante a adolescência ou na idade adulta jovem. O início desse transtorno costuma estar associado a um evento de vida estressante. Podem causar isolamento social  significativo e/ou fracasso ao atingir o nível acadêmico ou profissional potencial.

 

Transtornos bipolares, depressivos e de ansiedade em geral ocorrem concomitantemente com anorexia nervosa, bem como o transtorno obsessivo compulsivo.

Tratamento:

Sessões de psicoterapia semanais de 50 minutos de duração na abordagem cognitivo comportamental são bem sucedidas para tratar pessoas com Anorexia Nervosa. O objetivo é trabalhar a mudança de pensamento e comportamento em relação a alimentação para uma vida mais saudável. O contato com um médico psiquiatra para prescrição de tratamento medicamentoso também se faz necessário dependendo da gravidade do problema e de suas comorbidades.

Grupos de apoio, bem como terapia familiar também podem fazer parte do tratamento onde pacientes e familiares compartilham experiências, vivências, conhecimentos e mudanças.

Vila Mariana - Rua Domingos de Morais, 907 - conj. 22

Tel.: (11) 5579-6146

Email: assertivita.vilamariana@gmail.com

ICONE_WHATSAPP-01.png

Tatuapé - Rua Fernandes Pinheiro, 436

Tel.: (11) 2296-7877

Email: assertivita.tatuape@gmail.com

ICONE_WHATSAPP-01.png

Santana - Rua Duarte de Azevedo, 431 - sala 25

Tel.: (11) 2950-2055

Email: assertivita.santana@gmail.com

ICONE_WHATSAPP-01.png

Horário de Funcionamento - Recepção

De segunda a quinta das 8 às 17 horas

As sextas das 8 às 12 horas

Aos sábados das 8 às 13 horas

  • FACEBOOK ASSERTIVITÀ
  • INSTAGRAM ASSERTIVITÀ

@clinicaassertivita.psicologia

Assertività - Psicologia e Educação - CRP SP-PJ n° 6503/J